Use este identificador para citar ou linkar para este item: http:/livroaberto.ibict.br/handle/1/864
Título: Cronologia do desenvolvimento científico, tecnológico e industrial brasileiro 1938-2003
Autor(es): Brasil. Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Secretaria de Tecnologia Industrial. Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE)
Palavras-chave: Desenvolvimento industrial
Ciência e Tecnologia
Fatos históricos
Data do documento: 2005
Editor: Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC)
Secretaria de Tecnologia da Informação (STI)
Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae)
Citação: BRASIL. Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. Secretaria de Tecnologia Industrial. Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas. Cronologia do desenvolvimento científico, tecnológico e industrial brasileiro 1938-2003. Brasília: MDIC/STI/SEBRAE, 2005. 690 p.
Resumo: Esta cronologia representa a continuação de um esforço de enumerar os principais marcos do processo de desenvolvimento científico, tecnológico e industrial brasileiro que se iniciou com a edição de uma cronologia comemorativa dos cinquenta anos do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Trata-se de uma iniciativa que visa tanto a resgatar a memória de um processo fundamental do desenvolvimento do passado recente do Brasil, como fornecer subsídios para a nova política industrial e tecnológica que vem sendo implantada pelo Governo Federal.
Descrição: 690 p.
URI: http://livroaberto.ibict.br/handle/1/864
Aparece nas coleções:Popularização da CT&I e melhoria do ensino de ciências (CT&I para o desenvolvimento social)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
CRONOLOGIA do desenvolvimento científico e tecnológico brasileiro.pdfDocumento principal3,78 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.